Segunda-feira, 10 de Março de 2008

Aurora boreal - A minha primeira vez

  
Flaming lights on the sky
a night of northern lights
A wedding is going on up there
among the crowd of stars
The Moon is rising
a god among sparkling goddesses.
                                                           
                                                                     Knut Hamsun
 
A Aurora Boreal em Akureyri
 
A semana passada fui presenteado por um dos mais aguardados momentos. Vi, por fim, a aurora boreal (northern lights / norðrljós), sendo difícil descrever tão maravilhoso espectáculo ofertado pela natureza.
Durante largos minutos observei comovido, a magia na montanha de Hlídarfjall e depois em Akureyri, nos jardins da minha casa.
Eram feixes de luz, em tonalidades esverdeadas que serpenteavam em movimentos largos sobre a minha cabeça. Boquiaberto, olhava o céu maravilhado com o bailado sensual que me era oferecida pela noite islandesa.
As nuvens, empurradas por um sopro rápido, entrecortavam as estrelas e neste cenário, as serpentes de luz verde nunca se quedavam estáticas. Os meus pés, por largos minutos criaram raízes, como se vento algum me pudesse arrancar dali. Hipnotizado pelo espectáculo raro, deixei-me embalar pela magia do canto daquelas sereias que continuam a bailar ainda hoje, sempre que cerro os olhos, ao adormecer.
Mais fascinante que os tons verdes pintando o céu, é o movimento de uma aurora boreal, da mesma forma que a maior beleza do fogo é o seu trémulo e lânguido crepitar.
 
Deixo-vos este pequeno filme, para que possam imaginar o que é ver ao vivo a aurora 
 
 
Fica uma pequena introdução ao fenómeno:
 
A aurora boreal (northern lights) é um fenómeno luminoso, um brilho observado nas noites das regiões polares, provocado pelo impacto de partículas de vento solar no campo magnético terrestre. Somos constantemente atingidos por ventos solares: fluxos rarefeitos de plasma quente emitido pelo Sol em todas as direcções.
Electrões, protões e partículas alfa, colidem com átomos da atmosfera terrestre (predominantemente oxigénio e nitrogénio) em altitudes que variam entre os 80Km e os 200Km.
As colisões com os átomos de oxigénio aos 200Km de altitude produzem uma tonalidade verde. Quando a tempestade é forte, as camadas mais baixas da atmosfera são atingidas pelo vento solar (100Km de altitude), e produzem uma tonalidade vermelho escura pela emissão de átomos de nitrogénio (predominantes) e oxigénio.
As auroras acontecem apenas em regiões próximas aos pólos magnéticos (não são coincidentes com os pólos geográficos) com um tamanho médio que oscila entre os 3000Km a 5000Km, pelo que os melhores lugares para a observação de auroras encontram-se em regiões como por exemplo, o Canadá, Gronelândia e Islândia.
  
Para quem quiser informação mais completa sobre a aurora boreal, deixo 2  links:
 
 
 The Aurora Borealis and the Vikings:  http://www.vikinganswerlady.com/njordrljos.htm
 
 
http://www.northern-lights.no/english/mythology/index.shtml
 
publicado por Ivo Gabriel - Iceland Views às 01:04
link do post | comentar | favorito
|
7 comentários:
De ricardo a 13 de Março de 2008 às 18:29
Aí está algo que eu espero ter a sorte de ver quando for aí! Ve lá se metes uma cunha aos ventos solares!

Até sábado!
Riacrdo
De Vítor Briga a 30 de Março de 2008 às 02:32
Olá amigo!!!
É bom saber notícias tuas! Há já muito tempo...
Estive 5 semanas a trabalhar em Moçambique e lembrei-me bastante de ti e dos teus portafricas.
Que tudo te corra bem por aí. Vou-te visitando por aqui.
Podes visitar-me em http://palhacovoador.blogspot.com/
Um grande abraço!
Vítor Briga
De ana a 1 de Novembro de 2008 às 22:13
Espectaculo magnifico com que a natureza nos brinda! Certamente uma das "coisas" mais belas! Ainda não tive a oportunidade de viajar até latitudes que permitam observar mas vou certamente fazer por ir um dia!
De alex a 25 de Março de 2010 às 23:23
as imagens são belas mas o som do video ridículo , coloca uma música bacana , faz algo que presta , aff q som feio da porra
De Carol Borges a 7 de Fevereiro de 2011 às 12:40
Ivo, gostaria de saber qual a melhor época do ano para ver a aurora boreal na Islândia. Estou planejando uma viagem para lá em 2012 e não queria perder a oportunidade de ver esse incrível fenômeno.

Aguardo resposta.
Atenciosamente,
Carol
De Ivo Gabriel - Iceland Views a 7 de Fevereiro de 2011 às 22:43
Olá Carol,
Sugiro que escreva para o meu email ivo@icetourism.com
Na resposta para o seu email enviarei um documento com varias fotos da Islândia e com a aurora boreal. De qualquer forma, posso adiantar que entre Setembro e inicio de Abril poderá ser brindada com tão mágico fenómeno.
De Cesar a 17 de Janeiro de 2012 às 13:34
Olá Carol, estou indo p/ a Noruega e Islândia agora em Fevereiro, para ver a aurora e fazer outras atividades.
Ainda não fechei a parte da Islândia.
Se estiver programando ir em fevereiro p/ lá, entre em contato comigo email cesarbond63_yahoo.com.br
Abraço

Comentar post

.counter (início 26-4-08)

Blog Counter by Branica
Branica Counters

.pesquisar

 

.Junho 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
29
30

.mais sobre mim

.links

.posts recentes

. Dia Nacional da Islândia ...

. A serpente do Lagarfljót

. Dettifoss - a mais podero...

. Cod Wars: As guerras do b...

. Na Islândia também não ex...

. Ekki Múk - O regresso dos...

. A "Saga" do Great Auk Ske...

. "Ruiva", a baleia demonía...

. Pequenos momentos com cli...

. Formação Geológica da Isl...

. Eyjafjallajökull - Erupçã...

. De Thule a Iceland – Hist...

. Solitude…

. Conhecendo Siglufjördur –...

. Projecto Takk_Iceland09

. O colapso económico e out...

. Neve em Portugal?

. Os melhores discos island...

. Húsavík - da pesca à obse...

. Eyjafjördur - entre o bra...

. Surtsey - A ilha vulcão e...

. A neve. Pela janela do qu...

. Jeff quem?

. O regresso...

. Atrás do sol da meia-noit...

. Considerações sobre a Isl...

. Resposta a um email: Skaf...

. Bang Gang: Indie guitar P...

. Islândia vs Brasil (parte...

. Islândia vs Brasil ou Ein...

. Mývatn – Um vídeo, um ret...

. A cor púrpura...

. Entre fiordes: Do Eyjafjö...

. A Islândia na TV Globo

. Na senda de Nonni, Jón Sv...

. Björk Guðmundsdóttir: ret...

. Antecipando o Post sobre ...

. o pequeno arquipélago de ...

. Dísa - Uma voz, um achado...

. As Páginas Amarelas Islan...

. Vatnajökull (the sound of...

. Aldrei fór ég Sudur - O m...

. O futuro da economia isla...

. O coro vocal feminino EMB...

. A sexualidade na Islândia...

. Viajando pela Islândia co...

. Aurora boreal - A minha p...

. Área de Ski de Hlídarfjal...

. Os elfos e a mitologia nó...

. President Bongo dos GUS G...

.arquivos

. Junho 2012

. Maio 2012

. Março 2012

. Abril 2010

. Março 2010

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

.tags

. akureyri(6)

. ambiente(5)

. arte e cultura(7)

. curiosidades(6)

. economia(2)

. fenómenos da natureza(15)

. geologia(1)

. história e cultura(8)

. impressões(9)

. introdução(2)

. islândia(7)

. mitos e lendas(3)

. música(15)

. política(4)

. sexualidade(1)

. sociedade(4)

. tecnologia(1)

. viagens(11)

. vídeo(34)

. todas as tags

.counter (início 26-4-08)

Blog Counter by Branica
Branica Counters
blogs SAPO

.subscrever feeds